6 de setembro de 2012

Custódia festeja 52 anos de emancipação [DP]


Publicado no Diário de Pernambuco de 11 de Setembro de 1980.

Custódia – Desmembrada do antigo município de Alagoas de Baixo – hoje Sertânia -, com uma área de 1.270km² e encravada no Sertão do Moxotó, sendo considerado município-pólo da micro-região 105, do Estado de Pernambuco, Custódia festeja, hoje, 52 anos de emancipação política.

Para assinalar o evento, o prefeito Luiz Epaminondas Filho programou uma serie de comemorações, destacando-se um desfile estudantil, vaquejada – II Grande Vaquejada de Custódia, que reunirá vaqueiros de todo o Nordeste e que prologar-se-á até o próximo. No dia de hoje, disse que o Prefeito Luiz Epaminondas que ale das festividades oficiais, o Centro Lítero Recreativo de Custódia também estará comemorando o seu 22º aniversário de fundação, tendo programado um baile que será animado pelo conjunto de “Renato e seus Blue Caps”. No dia 14, além do encerramento da vaquejada, a administração municipal fará a inauguração de diversas obras públicas, destacadamente no povoado de Samambaia. Ali, o prefeito Epaminondas Filho estará entregando a população local uma praça moderna, calçamento, posto médico e iluminação a vapor de mercúrio.

Melhoramentos

Sem esquecer os antigos administradores, que muito lutaram e trabalharam pelo progresso de Custódia, Luiz Epaminondas, segundo voz corrente na cidade, tem se destacado dos demais e inegavelmente o Município, nos últimos meses, tem recebido diversos melhoramentos graças aos esforços conjugados da atual administração municipal e do Governo estadual. Dentre as obras mais importantes, salienta-se a construção da Escola Profissionalizante, pela secretaria de Educação, com participação da Prefeitura, que doou o terreno; construção do Terminal Rodoviário, também com doação do terreno pela edilidade; construção de 200 casas populares, pela Cohab; construção do acesso Oeste da cidade, já concluído, pelo DNER; construção do acesso Leste de Custódia, pelo DNER, em obras.

Destaca-se, ainda, na atual administração, a ampliação de abastecimento d’água, pela Compesa, em obras; instalação de armazém da Cibrazem, já concluído; construção de Módulo Esportivo; construção do prédio do Detelpe, que abrigará o segundo canal de televisão, já concluído; ampliação do sistema de distribuição de energia, pela Celpe, também já concluído.

Desde que assumiu os destinos de Custódia, Epaminondas Filho vem procurando imprimir uma nova mentalidade nas atividades administrativas, existindo atualmente uma estrutura capaz de realizar obras e prestar serviços à coletividade. Ao assumir a PMC, ele recebeu de seu antecessor apenas um caminhão caçamba ano 64, imprestável, além de uma caminhonete de marca Chevrolet, ano 78; uma ambulância e outros veículos inservíveis. Por outro lado, antigos problemas da cidade foram solucionados, como o Matadouro Municipal, antiga aspiração do povo. Para se uma idéia do problema, diz o prefeito, os animais abatidos para consumo eram colocados no chão sujo desprotegido e sem o mínimo necessário de higiene. A administração municipal investiu Cr$ 1 milhão, a preços de 1977 e 1978, solucionando assim aquele velho problema.

Também foi implantado o sistema de televisão, e o sistema de telefonia interurbana. No momento estão sendo desenvolvidas gestões junto ao Detelpe para implantação da telefonia rural, nos distritos de Custódia. Para agilizar as fontes de recursos financeiros do Município, foi modernizado o Departamento de Finanças e implantado o Projeto Ciata, que concretizou a participação de toda coletividade dentro de uma nova justiça tributária. Graças a esse projeto, a comunidade inteira está contribuindo e, a despeito da campanha negativa empreendida por interessados no fracasso administrativo, o Ciata comprovou que quando todos participam nos tributos, a carga tributária individual diminui, como se verificou neste exercício, com a redução que inúmeros contribuintes tiveram em seus tributos.

Nos distritos e povoados foram construídos calçamentos, praças. Foi recuperada uma Unidade Escolar, implantando sistema de iluminação, perfurando e instalando poço tubular, recuperado posto de saúde além da conservação de todas as rodovias do distrito de Quimtibu. No povoado de Samambaia, foram entregues a população duas barragens, estando prevista a inauguração de mais uma praça, calçamento, posto de saúde, iluminação a vapor de mercúrio, tudo isto no próximo domingo. No povoado de Ingá, o prefeito Epaminondas já entregou ao povo uma outra Unidade Escolar, fez a recuperação de um chafariz, construiu um posto de saúde, além da recuperação e conservação permanente das estradas que levam aquele distrito. Já na Vila de Maravilha, foi restaurada uma Escola Primária, construídos uma chafariz público, posto médico, Centro Comunitário e outras duas barragens na localidade Açude dos Costas afora a conservação de estradas na área.

Acha o prefeito custodiense que “ se não fosse a atuação da Secretaria de Agricultura, a cidade teria sido saqueada diversas vezes. Não tivemos nenhuma produção agrícola este ano, e a situação , a despeito das medidas governamentais tende a se agravar, pois como Custódia é um município eminentemente dedicado a pecuária, essa atividade está sendo duramente castigada pela falta de pastagens.

No Campo

O grave problema da falta d’água na zona rural a cada dia se agudiza e o prefeito vem mantendo contato com o secretário Emilio Carazzai no sentido de aumentar a frota de carros-pipa. “O município de Custódia é bastante extenso, com cerca de 1.270km², e o número de caminhões pipa destinados ao abastecimento é por demais insuficiente. Creio que se persistir o problema, serão necessários cerca de 10 caminhões, haja visto o município contar atualmente com apenas três, que não conseguem abastecer nem 50% das solicitações que recebemos diariamente”.

No que tange ao problema de saúde em Custódia, o representante custodiense disse que “apesar de bastante preocupado com o problema, sempre me esquivo de falar sobre o assunto, uma vez que o mesmo é ligado a Fusam, com sede em Arcoverde. Acompanho efetivamente o problema do hospital, local, que se encontra em situação Caótica, porém percebo que a VI Dires não vem prestando a assistência necessária ao nosocômio”.

A única solução viável que encontrei, para amenizar o problema foi a contratação de um médico pela Prefeitura, para atender nos dias de mais freqüência. Mesmo assim vendo sendo feito em um ambulatório da Prefeitura, em virtude do desligamento entre Prefeitura e VI Dires. Para se ter idéia dessa falta de articulação, basta citar que recentemente foram contratados quatro servidores para as unidades elementares de saúde, duas delas da Prefeitura, sem que a administração Municipal tomasse sequer conhecimento de que seus postos de saúde seriam conveniados ou cedidos à Fusam” acrescentou.

Cerca de 15 grupos escolares fora recuperados pelo Governo Municipal, em convênio com a Secretaria de Educação. No momento estão sendo recuperados os grupos de Ingá, Samambaia, Quitimbu e Maravilha, visando ampliar o sistema de educação no Município. Paralelo a isto a Prefeitura construiu uma escola profissionalizante.

Por outro lado, informa Luiz Epaminondas que a Prefeitura vem executando as obras da Praça da Participação, cujo nome é uma homenagem ao lema do Governador Marco Maciel – “Desenvolvimento com Participação”. No momento, também em obras, grupos escolares nos sítios Retiro, Riacho do Meio, além de um Módulo Esportivo com recursos próprios.

Finalizando o prefeito Luiz Epaminondas enalteceu o apoio que tem recebido do governo Marco Maciel, através de todo seu secretariado, para a solução dos problemas de Custódia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário