30 de junho de 2014

Costa Rica segue campanha histórica e derruba Grécia nos pênaltis


 com ótima atuação do goleiro Navas, o resultado em São Lourenço da Mata credenciou a equipe dirigida por Jorge Luís Pinto a brigar com a Holanda por uma vaga entre os quatro melhores do Mundial do Brasil. O confronto está marcado para o próximo sábado, às 17h (de Brasília), em Salvador.
Após um fraco primeiro tempo, no qual só houve uma chance desperdiçada pela Grécia, os costa-riquenhos saíram na frente no início da etapa final, com Bryan Ruiz. A situação da equipe centro-americana se complicou com a expulsão do zagueiro Duarte, por falta cometida aos 20 minutos.
Com dificuldade para criar, a formação europeia avançou na base da força, colocou zagueiros na área e alcançou o empate já nos acréscimos, com Sokratis Papastathopoulos. A Costa Rica se segurou na prorrogação com ao menos uma grande defesa de Navas e forçou a disputa por pênaltis.
Navas voltou a cumprir seu papel no desempate, pegando a cobrança de Gekas. Umaña foi o responsável pela última cobrança, que definiu o triunfo por 5 a 3 dos costa-riquenhos e os colocaram pela primeira vez nas quartas de final de uma Copa do Mundo.
Fonte: Gazeta Esportiva

Nenhum comentário:

Postar um comentário